KATIANE

ENTREVISTA COM JOHANE LEONE, ENDOCRINOLOGISTA
ENTREVISTA COM THAIANNE BARBOSA, NUTRICIONISTA
ENTREVISTA COM DRº CICERO PEREIRA, ESPECIALISTA EM DOR OROFACIAL
ENTREVISTA COM DRª JOHANE LEONE (ENDOCRINOLOGISTA)
ENTREVISTA COM DRªA LARISSA NANI (MASTOLOGISTA)
ENTREVISTA COM DRº MATEUS RIBEIRO (PSICÓLOGO E COACH)
ENTREVISTA COM DRº MAURÍCIO MARQUES (DERMATOLOGISTA)
ENTREVISTA COM DRº MATEUS RIBEIRO (PSICÓLOGO E COACH)
ENTREVISTA COM DRº CÍCERO (CLÍNICO GERAL)

Cármen Lúcia afirma que juízes não ganham 'em excesso'



A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, declarou que os juízes não ganham "em excesso" no país. A afirmação foi feita ao comentar sobre a transparência em relação aos salários recebidos no Poder Judiciário.

"A transparência aumentou até mesmo para que o cidadão soubesse dentro disso que se tornou uma constante de afirmar que o juízes ganham em excesso. Não ganham e está aí a comprovação pela transparência que foi dada às informações sobre as remunerações de todos nós magistrados brasileiros de forma permanente, sem qualquer dificuldade, cumprindo-se integralmente a lei de acesso à informação", disse Cármen Lúcia, durante sua última sessão como presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Em agosto, o STF aprovou uma proposta de reajuste para os ministros da Corte que pode elevar o salário deles para R$ 39 mil. O aumento depende apenas do aval do Congresso Nacional. Como os vencimentos dos ministros do STF servem como teto para o funcionalismo público, a mudança pode motivar reajustes em outras instâncias do Judiciário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco