KATIANE

ENTREVISTA COM JOHANE LEONE, ENDOCRINOLOGISTA
ENTREVISTA COM THAIANNE BARBOSA, NUTRICIONISTA
ENTREVISTA COM DRº CICERO PEREIRA, ESPECIALISTA EM DOR OROFACIAL
ENTREVISTA COM DRª JOHANE LEONE (ENDOCRINOLOGISTA)
ENTREVISTA COM DRªA LARISSA NANI (MASTOLOGISTA)
ENTREVISTA COM DRº MATEUS RIBEIRO (PSICÓLOGO E COACH)
ENTREVISTA COM DRº MAURÍCIO MARQUES (DERMATOLOGISTA)
ENTREVISTA COM DRº MATEUS RIBEIRO (PSICÓLOGO E COACH)
ENTREVISTA COM DRº CÍCERO (CLÍNICO GERAL)

Dólar alcança R$ 4,16 e segue em alta



Moeda segue em alta após fechar a terça-feira em um dos maiores patamares registrados desde que foi instaurado o Plano Real.

O dólar voltou a subir e alcançou os R$ 4,16 na manhã desta quarta-feira (29), após fechar a quase R$ 4,15 no dia anterior. 

Às 10:15, porém, a moeda norte-americana apresentava leve recuo e estava sendo negociada a R$ 4,14. O valor alto se deve principalmente às incertezas em torno do cenário eleitoral brasileiro. No exterior, o dólar apresentou queda após o os EUA negociarem com México uma reformulação do Nafta (sigla em inglês para Acordo de Livre Comércio da América do Norte). 

Cotação de terça-feira Na sessão de ontem, a moeda norte-americana avançou 1,48%, a R$ 4,1414 na venda, abaixo apenas dos R$ 4,1655 de 21 de janeiro de 2016, o maior valor registrado desde a instauração do Plano Real. A moeda até chegou a cair no início das negociações — chegando à de R$ 4,06 — e correspondendo ao mercado externo. Mas o movimento não se sustentou diante da apreensão eleitoral.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco