MOMENTO SAÚDE

Irecê: Beto Lélis diz que Zona Azul “surrupia” dinheiro do povo


Neste sábado (08), quando participava por telefone de um programa Jornal de sabado nas rádios Irecê Líder FM e Clube Fm, o ex-prefeito de Irecê, o polêmico Beto Lélis, criticou o estacionamento Rotativo (Zona Azul) de Irecê que é composto por vagas de estacionamento regulamentadas e pagas.
De acordo com Beto, o atendimento de funcionários da Soma Park Estacionamento, empresa que tem a finalidade de gerir os estacionamentos rotativos, é péssimo. Para ele [Beto], a empresa “surrupia” o dinheiro da população, uma vez que tem apenas 40 funcionários e somente 10% da arrecadação que é de aproximadamente R$ 200 mil por mês vai para a Prefeitura local. “ Deveria ser o contrário, a prefeitura que tinha que ficar com 90% e não essa empresa de Salvador”, disse. E alfinetou dizendo que essa situação merecia a instauração de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), chamando  a atenção da Câmara de Vereadores e do Ministério Público para investigar.
Questionado se a população estava sendo roubada, Beto voltou atrás e usou os termos dilapidação ou má administração do dinheiro. “ Daqui a pouco vão querer me processar”, finaliza.
Em Irecê, a cobrança de tarifas do sistema de estacionamento rotativo da Zona Azul começou em maio deste ano. A empresa cobra R$ 2,00 reais por veículo para cada uma hora de estacionamento nos lugares determinados na área central da cidade.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco