Mulher descobre parte de agulha de anestesia presa em sua coluna 15 anos após parto


Uma mulher de 41 anos descobriu que parte de uma agulha de anestesia epidural estava alojada em sua coluna há 15 anos, quando ela deu à luz seu filho. Moradora da Flórida, EUA, Amy Bright sentiu dores nas costas por todo esse tempo, mas só descobriu o problema depois de uma tomografia computadorizada. 

Segundo o jornal O Globo, os resultados mostraram que o pedaço de agulha de três centímetros estava inserido em sua coluna, em uma posição que tocava o nervo conectado à perna esquerda da paciente. Apesar do desejo de Amy de retirar o objeto, por medo de uma possível paralisia na perna, os médicos informaram que seria uma cirurgia muito arriscada. Por conta disso, a opção de Amy será viver com a agulha e usar medicamentos para dor. 

Ela entrará com uma ação por negligência contra Hospital Naval de Jacksonville, onde foi feito o parto, em 2003. "A agulha está, literalmente, no canal espinhal", explicou o advogado de Amy, Sean Cronin, que já lidou com vários casos de negligência médica. Para a paciente, existe alta probabilidade de a equipe médica ter percebido o erro e não tê-la informado. "Eles sabiam que isso estava nela, de acordo com nossos especialistas", acrescentou Cronin.

Informações do jornal O Globo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco