KATIANE

ENTREVISTA COM JOHANE LEONE, ENDOCRINOLOGISTA
ENTREVISTA COM THAIANNE BARBOSA, NUTRICIONISTA
ENTREVISTA COM DRº CICERO PEREIRA, ESPECIALISTA EM DOR OROFACIAL
ENTREVISTA COM DRª JOHANE LEONE (ENDOCRINOLOGISTA)
ENTREVISTA COM DRªA LARISSA NANI (MASTOLOGISTA)
ENTREVISTA COM DRº MATEUS RIBEIRO (PSICÓLOGO E COACH)
ENTREVISTA COM DRº MAURÍCIO MARQUES (DERMATOLOGISTA)
ENTREVISTA COM DRº MATEUS RIBEIRO (PSICÓLOGO E COACH)
ENTREVISTA COM DRº CÍCERO (CLÍNICO GERAL)

Estupro de crianças provoca manifestações nas ruas da Índia


De Nova Déli a Bangalore, passando por Mumbai, dezenas de milhares de indianos desfilaram nas ruas neste domingo. Os manifestantes, entre eles crianças, carregaram cartazes com dizeres como “Eu serei a próxima?”, “Temos que cessar a cultura do estupro”, ou ainda “Tirem os estupradores do Parlamento”.

Os slogans são os mesmos vistos no país após o estupro coletivo de uma estudante dentro de um ônibus em Nova Déli, em 2012. O crime provocou uma onda de revolta inédita contra a violência visando as mulheres no país.

Desta vez, as manifestações foram suscitadas por dois crimes. O primeiro deles foi o estupro de uma adolescente de 16 anos, cometido por um deputado, que beneficiou da ajuda da polícia local durante 10 meses antes de ser identificado.

Mas o caso que mais chocou a opinião pública foi o estupro de uma menina de 8 anos durante quatro dias seguidos. Os responsáveis, hindus, que teriam cometido o crime para espantar da região os membros da comunidade muçulmana à qual à vítima pertencia, foram apoiados por dois ministros regionais.

Os políticos envolvidos nos dois casos são membros do BJP, partido do atual primeiro-ministro Narendra Modi. 

Com informações da RFI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco