Atirador invade igreja nos EUA, abre fogo, mata 27 fieis e se suicida, diz a Polícia


Um tiroteio foi registrado neste domingo (5) em uma igreja na pequena cidade de Sutherland Springs, no Texas, Estados Unidos. Segundo a CNN, fontes policiais declararam que são 27 mortos e 24 feridos.

Ainda de acordo com a rede americana, o atirador foi morto após uma breve perseguição policial por uma região próxima. Robert Murphy, porta-voz da polícia local, não soube dizer se ele foi morto pela polícia ou se cometeu suicídio. De acordo com a CNN, o FBI também está no local. De acordo com uma testemunha ouvida pela KSAT, afiliada da rede ABC no local, um homem entrou na Igreja Batista e abriu fogo por volta das 11h30 do horário local (15h30, pelo horário de Brasília).Ainda de acordo com a TV, há uma forte presença da polícia e dos bombeiros na igreja e helicópteros foram ao local para transportar vítimas a hospitais. Sutherland Springs tem cerca de 400 moradores e fica a 48 km de San Antonio.

O presidente dos EUA Donald Trump, que está em uma viagem pela Ásia, usou o Twitter para comentar o tiroteio: “Que Deus esteja com as pessoas de Sutherland Springs. Estou monitorando a situação aqui do Japão”. O governador do Texas, Greg Abbott, também falou no Twitter sobre o tiroteio: “Nossas orações estão com aqueles machucados por este ato maligno. Nossos agradecimentos aos agentes da lei por sua resposta. Mais detalhes em breve”. As informações são do G1.

Nenhum comentário:

Postar um comentário