Após trágico acidente, esposa se recusou a desligar aparelhos e 3 anos depois o inesperado aconteceu

A americana Danielle Josey Davis protagonizou uma da histórias mais emocionantes e comoventes do século XXI. Ela havia se casado há apenas sete meses quando um acidente de moto quase tirou a vida de seu marido, deixando-o em coma e respirando com a ajuda de aparelhos.

Matt estava se virando em um cruzamento quando de repente ele se deparou com um carro estacionado em local proibido. O homem não teve chance de frear sua moto que bateu a toda velocidade, fazendo-no disparar no ar. 

Seu corpo sofreu muitos ferimentos horríveis: vários ossos quebrados, órgãos internos danificados e trauma cerebral. Enquanto Matt permanecia no hospital, Danielle estava constantemente ao seu lado, orando para que ele voltasse a ser saudável.

A recomendação dos médicos era deixar Matt Davis morrer, porque acreditavam que ele nunca mais iria acordar. Mas Danielle decidiu que não era hora ainda. Então, o inesperado aconteceu e um dia, ele acordou.

Matt foi transferido do hospital para a casa da mãe de Danielle na Carolina do Norte, onde a mulher continuou a cuidar do marido. Não foi antes de muitos dias, semanas, meses e até anos que Matt abriu os olhos e viu sua esposa ao seu lado. Durante 3 anos Matt esteve em coma. 

Durante 3 anos Danielle não deixou que a morte levasse seu amado e após três anos Matt enfim acordou. As primeiras palavras dirigidas a Danielle ficaram gravadas para sempre. Foi um momento especial para os dois. Matt disse:

“Estou feliz por ter casado com ela”, disse Matt à “ABC News” sobre a decisão da mulher que hoje ele aprendeu a amar. Após acordar do coma, toda a sua memória de antes de 2010 foi apagada por conta da lesão cerebral. 

Danielle tinha 24 anos quando o acidente aconteceu, e só tinha namorado Matt, com 23 na época, por dois meses antes de se casarem. Ela tomou conta do marido praticamente sozinha durante o tempo da internação, pois seu sogro havia falecido dois anos antes, o que deixou sua sogra muito doente para se manter presente ao lado do filho em coma.

A americana descobriu que seu marido estava de volta à vida quando perguntou o que ele gostaria de comer, e ele respondeu em um sussurro quase inaudível. “Frango [à moda de] Buffalo envolto em cheddar'”, disse ela, explicando que era sua comida favorita. “Nos emocionamos porque sabíamos o que ele quis dizer”.

O casal atualmente vai à aula de ioga junto e se diverte praticando esporte. Eles receberam ajuda de um site de financiamento coletivo, Go Fund Me, para custear as despesas médicas necessárias à recuperação.

Fonte: ABC News

Nenhum comentário:

Postar um comentário